4 lições de growth hacking para aplicar no seu negócio e lucrar mais

Fazer com que nossa empresa cresça pode se tornar um desafio depois de um tempo, ainda mais quando não temos mais como investir em contratar novos funcionários e até mesmo expandir o empreendimento, né?

Mesmo sem poder fazer essas mudanças imediatamente e ter a necessidade de lucrar cada vez mais, é preciso tomar algumas atitudes em relação ao crescimento da sua empresa.

Existem métodos que podem te ajudar, e é sobre um desses métodos que vamos falar hoje.

Nós já conversamos sobre abrir um negócio que possua escalabilidade ou possa se tornar escalável, lembra? Esse é um dos métodos.

Outro método que está se tornando cada vez mais comum e conhecido por empresas, incluindo as da área do varejo, é o método de Growth Hacking. É pode parecer um termo estranho, mas já vou te explicar o que ele significa.

Entenda o que é Growth Hacking

O conceito está ligado diretamente ao marketing do seu negócio, porque os dois têm o mesmo objetivo, o crescimento da empresa sem precisar gastar recursos ou ampliar o estabelecimento.

Além disso, o termo tem tudo haver com o empreendedorismo, isso porque na maioria das vezes, quem abre uma empresa, um negócio, seja ele do setor que for, varejo, indústria, transporte e outras mais, não começa com uma grande estrutura ou com muitos funcionários, é necessário crescer para isso.

Conforme o empreendimento vai aumentando, os métodos de crescimento também começam a aparecer, isso porque todo empreendedor tem um objetivo e para alcançá-lo é necessário traçar estratégias e metas.

Inclusive, um empreendedor que começou a pouco tempo e tem intenção de crescer rapidamente, precisa entender onde ele deve investir os recursos da empresa.

Essa é a responsabilidade direta do método de Growth Hacking, o crescimento aliado a eficiência da empresa.

As estratégias desenvolvidas pelo Growth Hacking estão relacionadas com diferentes áreas que ficam responsáveis por definir qual, ou quais, vão ser as melhores táticas para que sua empresa lucre mais e consequentemente cresça financeiramente.

E as estratégias de crescimento não podem ser criadas por apenas uma área da sua empresa, afinal muitas coisas estão ligadas ao crescimento.

Por isso as áreas que se uniram para criar e colocar em práticas as estratégias de Growth Hacking são a de marketing, de vendas, de planejamento e também de programação.

Juntas essas áreas estudam os dados e métricas para fazer o planejamento mais eficiente e ter o retorno o mais rápido possível.

O começo de tudo

O termo foi criado e também falado pela primeira vez em meados de 2010, por Sean Ellis, um norte-americano que ajudava outras empresas a crescerem, criando estratégias e métodos para que o objetivo fosse alcançado.

https://myrp.com.br/wp-content/uploads/2019/03/growth-hacking-começo

Sean se tornou o melhor no que fazia, mas precisava de mais, queria ampliar.

Fazer com que as empresas crescessem sozinho não era fácil, por isso tornou realidade a metodologia de Growth Heacking, por se frustrar quando o assunto era contratar um substituto que possivelmente não fosse tão eficiente, assim ele poderia apresentar ao seu substituto um método para que ele seguisse, tornando algo metódico, mesmo que cada empresa tenha sua particularidade.

Ao aliar todas as áreas diretamente ligadas ao crescimento de uma empresa, Sean, notou que mais de uma pessoa poderia auxiliar ao colocar todos os seus conhecimentos em prática para criar estratégias inteligentes e eficazes.

Os responsáveis pelo Growth Hacking

As pessoas que fazem o Growth Heacking de uma empresa são chamadas de Growth Heacker, e como falamos anteriormente, elas são as responsáveis por dar norte ao crescimento e fazer com que ele seja contínuo e saudável financeiramente para o seu negócio.

Além disso, o crescimento pode ser em qual ramo for como tráfego, vendas,  visitas, usuários, reservas e vários outros possíveis nortes que uma empresa tem para crescer.

São essas pessoas as responsáveis por atingir de algum forma, através de alguma estratégia inovadora os objetivos que foram traçados através do planejamento.

Inclusive, outra tarefa dos Growth Heackers é a análise do que está dando certo e o que está dando errado, para que as estratégias possam ser alteradas se necessário.

O que ajuda a direcionar os planos que vão ser criados, ou que podem ser alterados depois são os KPI’s, uma sigla em inglês que significa Key Performance Indicator, e que traduzindo para o português são os índices chaves de performance do projeto.

É através destes índices que é possível tomar decisões e definir para qual lado vai caminhar o projeto e quais vão ser os retornos dele.

growth-hacking-niveis-de-sucesso

 

 

 

Os caminhos do empreendedorismo

O crescimento de uma empresa está totalmente ligado ao quanto o seu empreendedor está disposto a fazer com que a sua organização evolua.

Geralmente, o perfil de um empreendedor está ligado diretamente a pró-atividade e iniciativas de sair do comum, de criar novidades e colocar suas ideias em prática.

Por isso a relação entre as estratégias de Growth Heacking e de um empreendedor podem ser tão parecidas, porque o objetivo de ambos é o crescimento através de novidades.

Essas tais novidades podem ser mercadológicas ou apenas de ideias e estratégias, para que cada vez mais a empresa se destaque.

Não sou um Growth Heacker, e agora?

Não se preocupe, se um dos seus objetivos é fazer com que os lucros da sua empresa aumentem sem ter que pagar muito por isso ou sem ter que fazer estratégias mirabolantes que não tem nem um começo e muito menos um fim, nós temos algumas lições que você pode começar a colocar em prática agora!

Lição número 1: tenha um objetivo

Pode parecer bobo falar isso, mas é extremamente necessário. Objetivos e metas são essenciais para qualquer parte da nossa vida, e é claro que na sua empresa também.

Você como um bom empreendedor, ao abrir o seu negócio sabia o porque iria começar um novo ciclo, dar um novo passo, quais eram seus objetivos e quanto você gostaria de ganhar.

Bom, a lição número um não foge disso porque afinal, você ainda tem o mesmo objetivo e você quer crescer até chegar a ele, por isso SEMPRE tenha ele em mente.

Uma dica muito legal é deixar a sua meta visível em algum lugar que você olhe a toda hora, para que você lembre dela a todo momento.

Lição número 2: FOCO NA MISSÃO!

Agora que você olha para o seus objetivos todos os dias é hora de começar a criar estratégias para alcançá-lo.

Preste atenção em todos os caminhos possíveis para você poder alcançar seus objetivos e comece a colocar os planos em prática.

Além disso, é extremamente importante você definir uma data, um período para chegar no que você quer. Ele vai ajudar a dar o direcionamento certo às suas estratégias.

Lição número 3: use a criatividade

Com o pouco orçamento, economizar talvez seja a palavra mais importante para os micro e pequenos empreendedores que precisam crescer e lucrar, mas não tem como aumentar equipe e também não tem muita grana pra fazer novos investimento.

Por isso a criatividade é um fator determinante nessa hora, pensar nas melhores estratégias e mais rentáveis para que cresça mais rápido.

Inclusive, você pode reunir a sua galera, seus colaboradores e pessoas de confiança para trocar ideias sobre o que vocês podem fazer.

Quanto mais ideias diferentes melhor.

Lição número 4: analise os resultados

Com alguns planos em mente, e colocados em prática, veja o que está dando certo e também o que não está indo como você havia imaginado.

Veja quais estratégias precisam ser melhoradas e aproveite para atualizar e aumentar o que está dando certo, mas vá com calma para não fazer uma mudança drástica e se arrepender depois.

Já o que não está dando certo após as análises, veja qual é o problema, altere ou remova das estratégias para que fique cada vez mais certo o ritmo de crescimento e a eficiência dos seus planos.

E pra você entender um pouco mais sobre como analisar dados e as métricas do seu negócio, nós separamos um e-book perfeito pra você! É só clicar!

Agora que você já sabe tudo o método de Growth Hacking e como introduzi-lo na sua empresa, você já pode começar a desenhar suas estratégias e pensar qual é o seu objetivo.

#VamosCrescerJuntos!
Até a próxima!

O que você procura?

Categoria

Categorias

    Assine nossa newsletter

    Teste Grátis

    Faça um teste grátis

    Exporte o XML das notas fiscais dos seus clientes

    Seja um parceiro Myrp.