Transação de entrada para empresa de tributação normal

    Toda empresa para poder receber NF-e precisa ter suas configurações de impostos/tributos cadastradas, no Myrp nós chamamos esta configuração de Transação de Entrada. 

    Para cada tipo de operação sua empresa deve ter uma transação equivalente, como exemplo: compra, devolução. Neste cadastro é muito importante conversar com sua contabilidade, ela saberá exatamente como você tributará em cada tipo de operação.

    Para acessar o cadastro de transações de entrada acesse o Menu.

    Clique em Compras. 

    Após clique em Transações de Entrada no quadro Configurações. 

    Clique em Adicionar, a sua direita inferior.

    Defina um Nome para sua transação, para identificar para que ela será usada. 

    Defina um Apelido para facilitar a sua busca no sistema. 

    No campo Dados tributários defina qual o regime de tributação do fornecedor usa este tipo de operação. 

    No campo Função da transação preencha com a CFOP que seu contador lhe informou para essa operação. 

    No campo Aplicação da transação defina se ela pode ser usada em todo o território nacional e internacional, ou não. 

    campo somar ICMS é utilizado para notas de importação. 

    O campo O valor do item soma no total das duplicatas é utilizado para definir se este item soma nos títulos a pagar ao fornecedor. 

    Se o valor do item não deve ser somado ao total da nota selecione não neste campo. 

    Defina se o Valor Aproximado dos Impostos deve aparecer na nota, se tiver dúvida converse com o seu contador.

    Selecione o seu CST para esta operação e defina a modalidade de cálculo do ICMS. Qualquer dúvida consulte o seu contador. 

    Defina se o IPI deve ser somado na Base de Cálculo do ICMS. 

    Defina se para esta operação é necessário detalhar o IPI, ou seja, se o IPI será destacado. Se selecionar que Sim, defina qual o CST do IPI e o código de enquadramento. 

    Defina qual o CST de destaque do PIS e da COFINS. 

    E se será aplicado PIS e COFINS ST. 

    Defina se o valor do frete soma sobre a base de cálculo do IPI 

    Se sua empresa utiliza o módulo controle de estoque, defina se esta operação controla estoque ou não, e se o estoque é próprio ou de terceiros. 

    Defina se você utilizará crédito de IPI. 

    Clique em Salvar.

    Pronto, sua transação está pronta para ser adicionada na importação da NFe de fornecedor. 🙂

    O que você procura?

    Categoria

    Categorias

      Assine nossa newsletter

      Teste Grátis

      Faça um teste grátis

      Exporte o XML das notas fiscais dos seus clientes

      Seja um parceiro Myrp.