Obrigatoriedade de emissão da NFC-e para última categoria de varejistas do comércio no Rio de Janeiro

Varejistas precisam buscar solução de emissão do documento para cumprir legislação e não ter problemas com a SEFAZ e as vendas.

NFC-e RJ

A partir de 1º de janeiro de 2017, todas as categorias de contribuintes, do segmento do comércio, do Rio de Janeiro, terão a obrigatoriedade de emitir a Nota Fiscal de Consumidor eletrônica (NFC-e). As primeiras obrigatoriedades de NFC-e já entraram em vigor no estado a partir de 2014. Mas foi este ano, que a legislação começou a atingir um número expressivo de empresas, com a inclusão dos contribuintes optantes pelo Simples Nacional.
A consultora de negócios do sistema myrp, Karine Gresser, ressalta a necessidade dos varejistas escolherem, o quanto antes, uma opção de sistema para a emissão do documento fiscal do varejo, para cumprir a legislação, não ter problemas com a SEFAZ e com a continuidade das vendas.
Para garantir que os comerciantes se adaptem no prazo, uma opção rápida e fácil é o sistema de gestão myrp, que pode ser colocado em operação na loja em poucos minutos. Além das funcionalidades básicas como a emissão de NFC-e e NF-e, envio de NFC-e por e-mail e geração de backup automático, o sistema de gestão myrp inclui controles mais abrangentes como a gestão do estoque do varejista e gestão financeira, com fluxo de caixa e registros das contas a pagar e receber.
Sobre o myrp:
O myrp é um sistema de gestão empresarial que faz a emissão de todos os documentos fiscais eletrônicos, como NFC-e, NF-e e CT-e, e possibilita o gerenciamento de uma pequena empresa, com controle financeiro, de estoque e vendas. O sistema funciona no modelo de armazenamento na nuvem e pode ser utilizado por empresas da indústria, atacado, comércio, serviços e transportes.
 

O que você procura?

Categoria

Categorias

    Assine nossa newsletter

    Teste Grátis

    Faça um teste grátis

    Exporte o XML das notas fiscais dos seus clientes

    Seja um parceiro Myrp.